POSTS RECENTES
Please reload

TORRE DE PISA: Já se perguntou por que é torta?

29 Sep 2017

Quando vamos à Itália, podemos nos deparar, em Pisa, com uma torre um tanto não convencional, também conhecida como Torre de Pisa, uma construção muito famosa, a qual deve grande parte dessa fama ao fato de ser levemente inclinada. O que pouco se divulga é o real motivo dessa inclinação, que não tem nada de conceitual, simbólico ou poético. Na verdade, ela ficou inclinada por um único e simples motivo: Fundação mal planejada em terrenos muito instáveis.

 

 

Em 1178, durante a fase de construção, a torre começou a se inclinar e, em 1370, ao ser inaugurada, já possuía 1,6° de inclinação, o que fazia com que o topo da torre estivesse a 1 metro da posição onde deveria estar. O motivo dessa demora para inauguração se deu exatamente pela espera para concluir a construção da edificação em razão dos seus problemas de inclinação.

 

Atrelado a isto, surge o questionamento:

“ E como a Torre de Pisa não cai?”.

 

 

 

 

 

Quanto a essa questão, temos que ter em mente que o seu centro de gravidade (região onde se concentra a maior parte do peso) ocupa uma posição alta na torre, o que gera um torque que impede a sua queda. Se o ângulo de inclinação continuasse a aumentar, chegaria um momento em que o centro de gravidade não mais coincidiria com a base da torre e, então, ela cairia. Contudo, como a torre de Pisa está sujeita a frequentes manutenções, sua inclinação é mantida, bem como sua estabilidade.

 

A torre compreende uma estrutura com massa de mais de 14 mil toneladas apoiada em uma fundação que está em contato direto com um terreno argiloso, pantanoso e instável. O que acontece é que o bulbo de pressões gerado pela carga da edificação a cima da fundação alcança camadas profundas sem resistência e provoca consequentes recalques diferenciais na estrutura.

 

 

Naquela época talvez não existisse a possibilidade de fazer a sondagem (estudo) do solo, que é um recurso atualmente disponível para descobrir em que profundidade se encontra a terra mais firme, e assim fazer fundações que atinjam esse nível, gerando mais estabilidade, ou então evitando fazer muitos andares para que a construção não fique pesada. A nível prático podemos comparar a diferença entre quebrar um graveto fino e comprido ou um mais curto. Quanto mais alto é uma edificação, maior é o risco de queda, pois maior a chance de ruptura no meio da construção.

Em 1997, engenheiros conseguiram reduzir a inclinação que hoje é de aproximadamente 4°, o que mantém o topo da torre a uma distância de 4 m de onde deveria estar. Além da redução da inclinação, trabalhos foram feitos para que o processo não continuasse. Assim, após um longo período fechada para visitação, a torre de Pisa foi reaberta em 2003 e é visitada por turistas do mundo inteiro até os dias atuais.

 

Semelhantes ao caso de Pisa, destacam-se as seguintes edificações:

 

 

 

Gostou do conteúdo? Clique aqui para não perder nenhuma postagem!

Share on Facebook
Please reload

Please reload

PROCURAR POR TAGS
NOSSAS REDES
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • LinkedIn - White Circle